domingo, 9 de janeiro de 2011

RECEITA DE ALEGRIA















Sorria...
Ria!!!
Procure qualquer palavra que rime com “ia”,
Mas ao invés de dizer “eu ia”,
Não meça esforços, não encontre desculpas,
Vá...
Em busca da alegria!
Um bocado de sabedoria, pois
Melhor ser sábio que desperdiçar o dia.
Um punhado de energia
Que alegria exige saúde, disposição para ser feliz.
Uma colher de ousadia
Que ser alegre é um ato de coragem.
Vale incluir um pouco de magia
Que aventurar-se na alegria exige varinha de condão.
Uma pitada de melodia
Que cantar é o prenúncio da alegria.
Uma xícara de democracia
Torna a massa mais macia,
Mas só acrescente umas gotas de maioria
Se tiver a certeza de que sua alegria contagia,
Porque alegria de verdade é contagiante.
Já percebeu que um ataque de risos
É uma reação em cadeia?
Dispense como ingrediente a euforia
Que na alegria ela está somente de passagem.
Certifique-se de que essa massa ocupe toda a forma
Porque a alegria nunca é vazia.
Polvilhe com fantasia
Que criar um sonho é aquilo que pede a alegria.
Deixe assar pelo tempo necessário
Para brotar no coração essa alegria
Que ser alegre vem de dentro.
Alegria de verdade
Não se encontra pronta em embalagens.
Nada de correria

Que alegria com calma se cria.
Cubra tudo com um creme de folia,
Salpique confetes coloridos
Que é brincadeira preparar a alegria.
Desfrute dessa delícia com uma fatia de poesia
Para manter longe a aridez do dia-a-dia.
Convide os amigos para saborear essa alegria
Que solidão é mais que porcaria...
Não se esqueça da fotografia
Que registrar imagens multiplica a alegria.
Se sobrar, pense em quem dela gostaria
Não jogue fora essa alegria,
Que desperdiçar seria covardia.
No mais...
É só alegria!!!
Lembrete: vale acrescentar qualquer ingrediente.
Manhã de sol, correr na chuva,
Subir montanha, pedalar, cheiro de comida caseira,
Caminhar num campo florido, banho de cachoeira,
Correr com cachorro na praia, carinho de criança,
Bate papo com amigos, ler deitado na rede,
Vadiar, contar estrelas, deitar e encontrar carneiros no céu,
Presente-surpresa, o encontro esperado,
Folhear aquele álbum de fotos, ir para a balada, feriado,
Cinema com pipoca, circo, baile de formatura,
Ouvir a música preferida no escuro, viajar, tirar férias,
Noite de luar, beijo na boca, matar saudades... Sei lá!
O que é que pode transformar um momento em alegria?
Qualquer ingrediente cabe na tigela
Desse quitute chamado alegria.
Fica minha sugestão,
Mas crie a sua própria Receita de Alegria
E me envie, um dia...
Eu adoraria! Isso seria uma alegria!...

Imagem : Google

Um comentário:

  1. A loucuradajoaninha, adorou a sua poesia, e é claro sem patifaria, lhe digo que a sua ousadia em falar de alegria nos leva a sentir a harmonia em termos sidos alfabetizados com amor...um belo dia!!!
    A escola da Vida, para mim... nunca foi desalinhada da "periferia", porque somos todos periféricos... vizinhos da alegria!!!
    Amem Sílvia, Amem
    Joaninha

    ResponderExcluir